domingo, janeiro 21, 2018

O Verbo - Poema de Fernando Py




o verbo
preexiste
às areias do tempo

o verbo
perfaz o mundo
em seus números

o verbo
no espaço da frase
conjuga
seu traço múltiplo

o verbo
molda-se em carne
no disfarce
da palavra

o verbo
se apessoa
aos enxertos
da voz 


o verbo
mal se conquista
- a doma é acerba

o verbo
se averba 


Fernando Py



Sem comentários:

Enviar um comentário

Topo