quarta-feira, janeiro 24, 2018

O Sol Fechou o Dia - Poema de Vitorino Nemésio




O sol fechou o dia
Sem mão nem chave;
A pouca luz que havia
Deu-a para uma ave.

Então a ave selou...
Com seu sono seu ninho,
E a terra toda amou
Na casa do passarinho.

Um ovo é como uma chave,
Mas só abre a vida às penas.
Apetece ser ave,
Ter as mágoas pequenas.

Vitorino Nemésio




Sem comentários:

Enviar um comentário

Topo