domingo, janeiro 21, 2018

O Cisne - Poema de Manoel Moreyra





No cristal azul do lago,
a mancha branca de um cisne,
airoso, altivo, elegante,
parecendo feito a giz,
vai deslizando, ao afago
suavíssimo da brisa,
numa indolência tranquila
que a paz da vida bendiz.
Nos lagos azuis do Sonho,
quem vive assim — é feliz…


Manoel Moreyra


Sem comentários:

Enviar um comentário

Topo