sábado, janeiro 20, 2018

A Pequena Vaga - Poema de Eugénio de Andrade





Mar de pequena vaga e céu azul:
a irrupção das frésias na manhã
faz destas ruas um jardim do sul.

Eugénio de Andrade


Sem comentários:

Enviar um comentário

Topo