domingo, 16 de dezembro de 2018

O Povo de Deus



O povo de Deus no deserto andava,
Mas à sua frente alguém caminhava
O povo de Deus era rico de nada,
Só tinha a esperança e o pó da estrada.

Também sou Teu povo, Senhor,
E estou nesta estrada,
Somente a tua graça,
Me basta e mais nada.

O povo de Deus também vacilava,
Às vezes custava a crer no amor
O povo de Deus, chorando rezava,
Pedia perdão e recomeçava

Também sou Teu povo, Senhor,
E estou nesta estrada,
Perdoa se às vezes,
Não creio em mais nada.

O povo de Deus também teve fome,
E Tu lhe mandaste o pão lá do céu!
O povo de Deus, cantando deu graças,
Provou teu amor, o amor que não passa.

Também sou Teu povo, Senhor,
E estou nesta estrada,
Tu és alimento
Na longa jornada.

O povo de Deus ao longo avistou
A terra querida, que o amor preparou!
O povo de Deus sorria e cantava,
E nos seus louvores, seu amor proclamava.

Também sou Teu povo, Senhor,
E estou nesta estrada,
Cada dia mais perto
Da terra esperada.

Cântico Religioso
(Autor: Padre Zézinho)


2 comentários:

Topo